• Salinas/PA
  • Alter do Chão/PA
  • Novo Airão/AM
  • Presidente Figueiredo/AM
  • Lago do Robertinho-RR

sexta-feira, 16 de junho de 2017

Careiro da Várzea - AM na época da cheia.

Em 2016 tivemos oportunidades de visitar a sede do município do Careiro da Várzea-AM, próximo de Manaus/AM. Na época visitamos a casa de um amigo e naquela oportunidade recebemos o convite para retornamos a vila na época da cheia do rio.

Então, no mês de junho quando as águas do Rio Solimões estão no auge e as chuvas diminuíram fomos visitar a Vila do Careiro da Várzea.

As 10:00 hs da manhã pegamos a embarcação no porto da Ceasa (R$ 10,00 por pessoa), o volume de água impressiona até nos que nascemos nessa região.


Com a cheia do rio a paisagem muda consideravelmente, os barrancos que vimos na seca agora se tornaram ilhas alagadas.  


Em outubro de 2016 assim que chegamos a vila enfrentamos uma escadaria, agora na época  da cheia ela simplesmente desaparece debaixo d’água e logo vemos que o nome Careiro da Várzea que vem do fato de o municio se encontrar em uma região de floresta de várzea que sempre alaga em um período do ano é o mais correto para esse município.

Foto tirada no período da seca (outubro 2016)

Foto tirada no período da cheia (Junho 2017)

A época da cheia muda a rotina dos moradores da vila, as ruas ficam alagadas e  para transitar por elas a prefeitura constrói passarelas de madeira para que os moradores possam circular livremente pela vila.   
Foto tirada no período da seca (outubro 2016)

Foto tirada no período da cheia (Junho 2017)

Durante o almoço na casa do nosso amigo, fomos matando a curiosidades sobre como é viver no município do Careiro da Várzea-AM na época da cheia.



Segundo os moradores é comum ver peixes como piranha e poraquê e outros bichos como cobras e jacarés, mas isso depende muito do nível da cheia e exige uma atenção redobrada com as crianças.   



Para quem quiser ver uma paisagem mais de natura, na ultima rua atrás da vila tem uma paisagem bastante bonita do lago.

La pelas 16:00 hs voltamos para Manaus-AM, já com um convite de voltarmos para a festa da padroeira no mês de agosto.

Espero que tenham gostado desse breve relato. 
Compartilhar:

domingo, 5 de março de 2017

Amazônia Internecional Lethem na Guiana Inglesa

Como descrevi no post anterior “Viagem de Carnaval a Boa Vista-RR” resolvi criar uma postagem mais detalhada para Lethem, pois se tratava de uma visita a outro país.

Ta certo que não adentramos nem 20 km dentro da Guiana, mas atrevessamos uma fronteira que está dentro do mapa da Amazônia que possui outro idioma e outras culturas.

Partimos de Boa Vista-RR as 10:00 hs, saímos mais tarde propositalmente pois queríamos ver o por do sol na volta.

Para chegar a Lethem, basta atravessar a Ponte do Macuxis e seguir reto pela BR-401.

Compartilhar:

sexta-feira, 3 de março de 2017

Viagem de Carnaval a Boa Vista - RR

Apesar de morar em Manaus-AM a 810 km de Boa Vista-RR, somente agora fomos conhecer a capital Roraimense, talvez pelo fato de ser de fácil acesso já que da para ir de carro sempre fomos deixando para conhecer no próximo feriado.

Compartilhar:

quarta-feira, 22 de fevereiro de 2017

Balneário Nascente do KM 14

Seguindo a linha de passar dicas de visitas rápidas próximas a Manaus/AM, segue abaixo uma experiência rápida que tivemos no dia 18/02/2017.

Saímos de Manaus/AM as 12:00 hs pela ponte do Rio Negro até o município do Iranduba/AM.



A ideia era almoçar em algum balneário na estrada Manuel Urbano, a estrada hoje já tem um bom trecho duplicada.



No caminho encontramos o Balneário Nascente do km 14 e resolvemos parar para ver os preços.


O balneário fica em um lago onde construíram uns pier de madeira com alguns chapéus de palhas.




A parte final do pier é profunda então para quem não sabe nadar é melhor ficar na margem do lago.


O cardápio do local é bom, tem pratos feitos e bandas de tambaqui assado, como só éramos dois pedimos um prato de tambaqui frito (R$ 15) e um de pirarucu frito (R$10), ainda pedimos dois copos de suco por R$ 4,00 cada, o suco estava gostoso, mas o preço estava caro já que veio em um copo de 180 ml.


As 16:00 hs voltamos para Manaus/AM para não pegar muito engarrafamento na estrada.

Pontos positivos

Ótimo atendimento do funcionários.

Ambiente agradável e familiar no sábado que foi o dia que visitamos, no domingo os funcionários falaram que o local fica lotado (não sei como fica o ambiente).

Próximo a Manaus/AM.

Preços justos dos pratos.

Pontos Negativos

Como do outro lado do lago tem outro balneário as vezes fica aquela disputa de som.

Preço do suco caro.

Acho que para melhorar o local poderiam jogar umas carradas de areia para cobrir o barro na margem do lago e assim criar uma praiazinha. 
Compartilhar:

quarta-feira, 23 de novembro de 2016

Careiro da Várzea - AM na época da seca

O Careiro da Várzea/AM é um município do estado do Amazonas localizado na Região Metropolitana de Manaus/AM. A convite de um amigo que mora na sede do município, fomos visitar a vila que fica localizada a aproximadamente 20 km de Manaus/AM.

Compartilhar:

quarta-feira, 26 de outubro de 2016

Pousada Pedacinho do Céu

Para manter o blog mais atualizado, tive a ideia de criar postagens de passeios simples em que saímos e voltamos no mesmo dia onde conhecemos balneários, praias e cachoeiras que visitamos próximos a Manaus/AM.

Muita gente manda e-mail pedindo dicas econômicas e próximas de Manaus/AM (local onde moramos) para se refrescar do calor amazônico, além de sempre recebermos dicas de lugares para visitarmos.

Bom, a primeira dica é o Pousada Pedacinho do Céu, localizado na BR 174 km 28.

Compartilhar:

quarta-feira, 7 de janeiro de 2015

Amazônia Atlântica - Salinopolis (SALINAS) /PA

Viagem a Salinopolis (Salinas)

22/12/14

Depois de conhecermos Belém (poste anterior), partimos para conhecer uma rota de viagem bastante conhecida no norte, principalmente pelos moradores de Belém/PA, Manaus/AM e Imperatriz/MA.

Rota da Amazônia Atlântica

A rota é conhecida por possuir praias banhadas pelo Oceano Atlântico e ao mesmo tempo ter a floresta amazônica por perto. Os principais destinos são a Ilha de Mosqueiro, a Praia do Atalaia em Salinópolis, Ilha de Algodoal e praia de Ajuruteua em Bragança.

Belém / Ananindeua (18 km)

No dia 22/12/14, acordamos cedo e pegamos um táxi para o aeroporto (R$ 30,00). Chegamos as 9:30 hs e pegamos o carro que tínhamos reservado no dia 19/12/2014 quando chegamos em Belém, não demorou muito para sairmos em direção a Salinópolis/PA.

Não é difícil sair do aeroporto e chegar até a estrada BR-316 que leva até Salinópolis/PA. Seguimos viagem com muita paciência, pois é comum ter radares com 40 k/h e 60 k/h principalmente no trecho Belém / Ananindeua, pois as duas cidades são coladas uma na outra e por esse motivo tem um transito pesado.

Ananindeua / Castanhal (57 km)

Esse é o melhor trecho da estrada, pois a BR-316 é uma via duplicada. Chegando a Castanhal/PA tem que ter bastante cuidado com o transito, pois já é uma cidade de médio porte, a BR-316 passa por dentro dela sem fazer desvio algum, basta seguir direto só tomem cuidado com os radares, pois aqui vai ter bastante.



Compartilhar:
Proxima  → Inicio

Postagens populares

Tecnologia do Blogger.

Seguidores